escritas com a etiqueta "música".
13:38
sexta-feira
12 abr 2013

poder felino


cat power - manhattan

gosto muito das músicas desta senhora, as suas músicas mais conhecidas são covers mas estão muito bem feitos, com bom gosto.

ontem encontrei isto sem querer, e gostei (também sem querer)

 
rui duarte
15:35
quinta-feira
04 abr 2013

Asaf Avidan // Reckoning Song (One Day)


 
rui duarte
11:36
sábado
30 mar 2013

depeche mode - delta machine


estou a ouvir o último álbum de depeche mode e estou a gostar (ainda vou na segunda música mas é daqueles dados adquiridos)

 
rui duarte
11:25
sábado
30 mar 2013

limites esbatidos
okay, este vídeo anda na berra por causa da sua versão alternativa em que as meninas andam com as maminhas de fora mas acontece que gostei imenso da música, está muito bem arranjada (tirando a parte do "rap" que estraga qualquer música). vamos ouvir:



Robin Thicke - Blurred Lines ft. T.I., Pharrell

em relação ao senhor cantor, robin thicke: eu não o conhecia mas depois de ouvir esta música tentei e não gostei porque o homem canta em falsete e deve ter a mania que é elegante ou irresistível (aliás, o seu estilo de música resume-se mais ou menos a essa condição) mas ainda tem que comer muita papa de milho para chegar aos pés do nosso tony (carreira). os sapatos de verniz e as vestimentas do engate escondem provavelmente um corpinho pouco bonito com maminhas descaídas (sempre ouvi dizer que um fato "pipi", mesmo que seja da macmoda, faz - toda - a diferença).
depois o seu slogan, "thicke has a big dick", também diz muita coisa e nenhuma é positiva. enfim.

agora o pharrell, sim! é aquele pretinho com olhos em bico que faz magia em todas as músicas que produz e pertencia aos N.E.R.D. (uma banda da treta).
gosto dele mas faz-me aquela comichão (confusão? não sei) sempre que vejo um preto com tatuagens.

o pateta do rap não sei quem é (e estou bem assim)

 
rui duarte
11:08
sábado
30 mar 2013

"quem me dera fazer poesia inspirada na minha paixão"
"eu não sou poeta, não te sei falar de amor" (mas gostava, tenho coisas para dizer)


nota musical:
estava a ouvir a música "eu não sou poeta" do carlos paião, uma personalidade extinta que pertence à nata da nata portuguesa

 
rui duarte
00:19
sexta-feira
29 mar 2013

morphine - take with you


 
rui duarte
10:39
terça-feira
26 mar 2013

slash
o seu nome é Saul Hudson, nasceu a 23 de julho de 65 (um bom ano) e li algures na internet que morreu hoje, não sei se é boato ou não (há muitas celebridades que já morreram dúzias de vezes, o eddie murphy por exemplo)


o slash pode ter morrido (ou não) e eu não gosto dos guns n roses (blé!) nem das bandas por onde o homenzinho passou mas trata-se de um ícone! a sua imagem, inclinado sobre a guitarra, de cabelo desgrenhado, cartola e cigarro na boca é das mais reconhecidas no mundo da música.

se é verdade, tenho uma certa pena. se não é, fica para pensar.

 
rui duarte
14:44
quarta-feira
13 mar 2013

sim, sou.


jason mraz - i'm yours

gosto da música (um bocadinho...) mas perde-se um bocado porque o vocalista é um menino bonito com a cara torta, devia ser um preto feio com a voz rachada (teria mais carisma)
 
rui duarte
17:02
quarta-feira
20 fev 2013

a história da música


vídeo muito bem feito, interessante e didáctico (digo eu)

 
rui duarte
11:46
segunda-feira
04 fev 2013

rihana - only girl (in the world)


é fácil gostar destas coisas quando o nosso cérebro é apanhado distraído... nos últimos dias ouvi várias vezes esta música e facilmente consigo concluir que gosto (mesmo que seja uma música da tanga com uma mensagem batida... mas eu gosto do som da voz da rihana)

 
rui duarte
15:12
domingo
03 fev 2013

tegan and sarah - closer


 
rui duarte
 
15:08
domingo
03 fev 2013

stephanie do mónaco e a princesa mais bonita da história
pois é, a grace kelly casou com o príncipe soberano do mónaco, o rainier "3", e tornou-se a que se considera a princesa mais bonita da história, grace do mónaco.
antes disso tinha sido a estrela de 11 filmes de sucesso e ganhou um óscar pela sua interpretação em "amar é sofrer" (o título original é "the country girl")


deste casamento nasceram três filhos e apenas o terceiro, uma menina chamada stephanie é tal e qual a cara do pai.
quando tinha 17 anos estava no carro quando a mãe morreu (a senhora teve um enfarte e perdeu o controlo do carro) e teve muitos outros desgostos (muitos deles amorosos) mas pode-se dar ao luxo de dizer que foi uma cantora pop e sex symbol nos anos oitenta, o que chocou a comunidade real a nível mundial.

gostava muito da grace kelly porque tem um ar simpático e pouco peneirento e também das músicas pop da filha mais nova dela. ouvir isto agora traz uma certa nostalgia infantil:



esta era a minha preferida mas a mais conhecida é "irresistible" (se quiseres mesmo podes carregar neste parágrafo)

nota real:
o casamento real fez as meninas da época sonharem com o seu próprio casamento com um príncipe encantado (e endinheirado) mas a resposta à pergunta "porque é que isto não me acontece a mim?" é: porque és uma porca gorda ou então só estúpida (coisa que os príncipes não gostam).
(um príncipe pode ter tudo o que quiser, incluindo a mulher e por isso podem-se dar ao trabalho de escolher, não é?)

nota educativa:
a grace kelly seguiu a carreira de teatro e cinema porque tinha notas muito más em matemática (e não conseguiu ir para a universidade que queria), se não fosse assim não tinha sido princesa.
desde que se tornou princesa rejeitou 3 convites para voltar ao cinema mas andava a considerar um quarto filme nos tempos antes de morrer.
disse que não considerava ter feito algo de tão espectacular que a fizesse ser recordada pelos seus papéis mas que em vez disso gostava de ser recordada como um ser humano decente.

 
rui duarte
02:21
quinta-feira
17 jan 2013

rolling stones - miss you


eu gosto desta música (e das músicas desta banda, no geral) ao ponto de afirmar que é genial (mas gosto muito mais de ti)

 
rui duarte
01:30
sábado
12 jan 2013

lembras-te?


 
palmira maria
14:12
quarta-feira
09 jan 2013



 
palmira maria
17:46
sábado
29 dez 2012

blues brothers


eu gosto de blues.
a ideia para este filme começou no saturday night live com estes mesmos dois actores: john belushi e dan aykroyd.

foi um filme que marcou a minha infância/adolescência e descobri hoje que a twiggy participou.

nota estragada:
já tentaram fazer uma continuação/recauchutagem do filme já sem o john belushi (que entretanto morreu) mas eu infelizmente vi e foi um filme muito, muito mau.

 
rui duarte
06:14
sábado
15 dez 2012

etta james - Something´s Got A Hold On Me (1962)


 
rui duarte
 
escritas com a etiqueta "música".
 
1 2 3 4 5 6 7 8 9
 
(página...)
 
etiquetas:
escritas: 2324

rui duarte

palmira maria