escritas com a etiqueta "filmes que eu vi e gostei".
10:28
sexta-feira
02 mar 2012

tim burton e o senhor morcego


o que nem toda a gente sabe ou lembra-se é que o tim burton já realizou dois filmes do batman:

"batman returns" (1992, com o michael keaton, o tal da michelle pfiffer e o pinguim) e "batman forever" (1995, o homem-morcego já era interpretado pelo val kilmer, acompanhado da nicole kidman, tommy lee jones e o jim carrey)

 
rui duarte
12:58
domingo
26 fev 2012

"les aventures de tintin"
um filme com o senhor spielberg tem que ser um sucesso e, já agora, normalmente é um bom filme, e também teve a mão do realizador do senhor dos anéis (peter jackson). falta ver se participaram realmente ou foi só pelo nome.



não tem muito a ver com o tintin a que eu estava habituado, foi muito estranho tentar habituar-me ao aspecto "realista" desta personagem mas, apesar de preferir os desenhos animados originais, gostei bastante deste filme porque contém a essência aventureira destas personagens.

(tenho que dizer que já existem muitos filmes animados do tintin e não precisávamos deste para nada mas se sabem que vão fazer dinheiro com isso é porque vale a pena)

nota indignada:
os americanos mudam tudo! ao cão do tintin, "milou", chamaram "snowie", os inspectores "dupont" passaram a ser "thompson".
ainda bem que o "professor tournesol" não entrou nesta aventura, passaria a "doctor sunflower"?

 
rui duarte
22:51
sexta-feira
24 fev 2012

o cavalo mais inteligente do mundo


jolly jumper, um dos meus heróis
 
rui duarte
22:46
sexta-feira
24 fev 2012

lucky luke


o homem mais rápido que a sua sombra (era cowboy, vivia no "oeste" e falava francês!)

 
rui duarte
18:24
segunda-feira
20 fev 2012

efemérides de 20 de fevereiro
ainda esta manhã lembrei-me disto, 20 de fevereiro pareceu-me bastante familiar por causa do temporal na ilha da madeira em 2010 (já lá vão dois anos e parece que foi ontem)

de qualquer maneira, descobri que a banda-desenhada do batman e do seu fiel amigo robin começou a ser publicada nos jornais americanos em 1944.



e estreou em 1985 o filme "brazil", do género "mind-fuck" (designação para filmes com uma lógica muito bem dissimulada ou que abordam assuntos confusos... acho que se percebe mais ou menos o que significa a designação)



muito bom! vi há poucos anos e adorei (o título completo seria qualquer coisa como: "brazil - o outro lado do sonho").
as partes boas é que se trata de um filme britânico que muita gente gostou e a acção não decorre no brasil.

e "pode-se aprisionar o corpo mas não a mente"

a música fica na cabeça:
"naaa... na-na-na-na-na-na-na-naaaaaaa..."


eu já referi este ano que detesto o carnaval? há quem adore mas acho isso deprimente, mal por mal prefiro o natal.
não vou explicar porquê mas até poderia dizer o que faria aos disfarces orgulhosos, às línguas de sogra e aos "confetes", serpentinas e balõezinhos de água...

 
rui duarte
18:00
segunda-feira
20 fev 2012

"the woman in black"


ainda não vi todo o filme mas já sei que vou gostar, não por se destacar em algum aspecto mas pela pinta do harry potter a dar uma de dramático... e não combina! o homem é pequenino e devia estar a fazer filmes para crianças por uma questão de identificação.

a velha história de sempre, uma espécie de advogado (ou "solicitador") que vai fazer as contas de uma velha que vivia no fim do mundo e morreu (mas não foi embora, continua a fazer o inferno a quem vive na zona). tem piada e já é tão batido!
o filme começa com três meninas a atirarem-se pela janela, depois chegam os gritos de desespero de quem fez a descoberta... tão fofinho.

crianças de todo o mundo:
não vão ver este filme, estou desconfiado que o harry potter tem uma cena todo nú.

 
rui duarte
11:30
domingo
12 fev 2012

"theatre bizarre"


uma colectânea de muitas histórias, todas curtas e muito boas, foi o melhor filme (de terror) dos últimos tempos.

 
rui duarte
15:57
quarta-feira
08 fev 2012

"alcatraz"


uma série que já tem alguns episódios e segue a mesma linha dos perdidos ("lost"), a produção é a mesma, o ambiente misterioso, os mesmos efeitos sonoros e também o actor gordinho.

parece bem e gosto muito de um dos actores principais (que entrou há muito tempo no parque jurássico e na bíblia de satanás... filmes que gostei imenso mas não sei o nome dele de cor)

o que se passa é que o amargo de boca com o final do "lost" ainda me chateia um bocado.

 
rui duarte
11:43
domingo
29 jan 2012

a hora do lobo
o primeiro poster que aparece é de um filme de 1968 realizado por ingmar bergman cujo título, traduzido para português, é "a hora do lobo".

muito se fala neste filme mas nunca o vi e dou graças por ter aparecido nas minhas pesquisas por filmes de terror feitos no norte da europa (note-se que não tenho dado importância ao país de origem de cada um deles mas tudo vale e não me tenho arrependido)


nota sobre a hora do lobo:
"é a hora entre a noite e o amanhecer em que mais gente morre, quando o sono é mais profundo e os pesadelos mais reais. é a hora em que os que não dormem são perseguidos pelos seus medos, quando os fantasmas e os demónios são mais poderosos. também é a hora em que ocorrem mais nascimentos"


estes são os restantes filmes, optei pelo poster americano de "cold prey" (do original "fritt vilt") porque é mesmo muito melhor e apelativo que o original, até puseram a caveirinha na neve... e pelos vistos grande parte destes filmes tem mercado nos estados unidos nem que seja pelo futuro remake:


nota cinéfila:
eu prefiro quase sempre o original excepto raras excepções ("vanilla sky" foi uma delas)

 
rui duarte
11:11
quinta-feira
26 jan 2012

mr creosote (hoje é o dia da...)


é uma das personagens mais engraçadas e recordadas dos monty python que apareceu no filme "meaning of life".

o homem entra num restaurante francês e come tudo o que lhe chega à frente até rebentar... e tudo terminou com uma "wafer thin mint" ("it´s only a wafer thin...")

nota pecaminosa:
diz que hoje é o dia da gula

 
rui duarte
01:44
sábado
21 jan 2012

"o homem do futuro"


bom filme, gostei, e esta música ficou no ouvido

 
rui duarte
12:30
quarta-feira
18 jan 2012

a verdadeira encarnação do super-homem


queira desculpar mas super-homem de carne e osso não há outro senão este: christopher reeve

acho demasiado triste as imagens do actor em cadeira de rodas mas essa visão deixou ao mundo das revistas cor-de-rosa e televisões sensacionalistas uma mensagem:

até o super homem se lixa (mas não desiste)

 
rui duarte
18:40
domingo
15 jan 2012

"immortals"

foi uma boa desculpa para passar quase todo o dia a fazer nenhum... um bom filme na onda do "300" mas desta vez a história de um mortal, teseus, com direito a deuses gregos, muitos dourados e efeitos visuais excelentes.

 
rui duarte
10:38
terça-feira
10 jan 2012

"metropolis"


estreou nos cinemas num dia como hoje e é um filme alemão de ficção científica (considerado o primeiro deste género) produzido em 1927 e realizado pelo cineasta austríaco Fritz Lang. Foi a produção europeia mais cara até aquela data, e é considerado por especialistas um dos grandes expoentes do expressionismo alemão. O argumento, baseado no romance de Thea von Harbou, foi escrito por ela, em parceria com Lang.

resumo do filme, retirado da wikipédia:
O enredo é ambientado no século XXI, numa grande cidade governada autocraticamente por um poderoso empresário. Os seus colaboradores constituem a classe privilegiada, vivendo num jardim idílico, como Freder, único herdeiro do dirigente de Metropolis.
Os trabalhadores, ao contrário, são escravizados pelas máquinas, e condenados a viver e trabalhar em galerias no subsolo. Num meio de miséria entre os operários, uma jovem, Maria, destaca-se, exortando os trabalhadores a se organizarem para reivindicar seus direitos através de um escolhido que virá para os representar.

O ponto alto do filme e grande mote é, sem dúvida, o final onde a metáfora "O mediador entre a cabeça e as mãos deve ser o coração!" se concretiza no simbólico aperto de mão mediado por Freder entre Grot (líder dos trabalhadores) e Jon Fredersen - o empresário.

hitler ficou muito impressionado com este filme e tentou contratar o realizador para fazer propaganda nazi mas o senhor fritz fugiu para paris onde realizou várias peças contra o regime nazi e mais tarde foi viver para os estados unidos.

 
rui duarte
23:05
domingo
08 jan 2012

"dr. no"


foi o primeiro filme do james bond que eu vi (também o caso de muito boa gente), conta com um escocês no papel de agente secreto 007 (sean connery) e... é um bom filme.

nota:
gostei imenso dos três assassinos por contrato no início do filme ao som da música dos três ratos cegos (three blind mice)

 
rui duarte
21:53
domingo
08 jan 2012

"rock n rolla"


realizado pelo ex-marido da madonna (guy ritchie) com muitos bons actores, um deles o senhor do "300", gerard butler que é bom actor e há quem diga que é bonito

fico impressionado sempre que dizem que não gostaram do filme... mas porquê?...

 
rui duarte
 
escritas com a etiqueta "filmes que eu vi e gostei".
 
1 2 3
 
(página...)
 
etiquetas:
escritas: 2324

rui duarte

palmira maria